Cateto Pinheiros ganha no piso superior bar de coquetéis Oak, que celebra o bourbon

OAKBAR1

Endereço de astral hipster com matriz na Mooca e filial em Pinheiros, o bar Cateto sempre foi etilicamente conhecido pelo respeitável arsenal de cervejas especiais, com pelo menos 100 selecionadíssimos rótulos. Agora, a casa acaba de ganhar uma segunda identidade.

OAKBAR7No piso superior do Cateto Pinheiros foi inaugurado há pouco mais de um mês (20/6) o Oak, um bar de coquetéis com vida e cardápio próprios e atmosfera que faz uma releitura moderninha do estilo country que marca a cultura do sul dos Estados Unidos.

Com 35 receitas, divididas tematicamente em seis páginas, a carta do Oak celebra sobretudo o bourbon — afinal, a marca Wild Turkey é patrocinadora do espaço. Os melhores drinques servidos ali levam o destilado do Kentucky na composição. Um exemplo é o clássico old fashioned (33 reais; foto) preparado com o bourbon Wild Turkey 101, que tem uma traulitada de álcool: 50,5%.

OAK3_RYEHATTANTambém para apreciadores de potência alcoólica há o ryehattan (45 reais; foto), versão de outro clássico, o manhattan, com uísque do tipo rye, elaborado com pelo menos 51% de centeio (o bourbon original, pela lei, precisa ter 51% de milho).

Outro drinque provado que vale a pena é o billy the kid (26 reais), em copo on the rocks. Apresenta um bom equilíbrio entre o amargor do grapefruit e do Campari com bourbon e xarope de maple.

OAKBAR4Nesta mesma linha, agradou ainda o cateto (28 reais), com bourbon, vermute seco francês Noilly Prat  xarope de agave, Amaro Lucano e suco de limão-siciliano, que dá um toque cítrico ao sabor. Pode vir, peça à bartender, em copo defumado com alecrim e casca de limão-siciliano. A melhorar: percebe-se certa lentidão no preparo nos coquetéis, pois há um único bartender (no caso, a cearense Neila Pamplona) para executar todos os pedidos.

Sete sugestões de comidinhas foram criadas exclusivamente para o Oak. Entre elas, a baby porchetta (30 reais) com moho chimichurri da casa (felizmente não carregado no alho) e confit de tomate-cereja; e o duck sandwich (25 reais), espécie de hot-dog no pão brioche com linguiça de pato artesanal temperada com ervas.

OAKBAR5Oak Bar
Rua Francisco Leitão, 272 (piso superior), Pinheiros, tel.: (11) 3063-5220 e 3063-5191
Terça a quarta, 18h/0h;
Quinta e sexta, 18h/1h;
Sábado, 17h/1h;
Domingo, 16h/23h;
Fecha às 2as-feiras.

Jornalista paulistano, foi crítico de bares da revista "Veja São Paulo" durante dez anos — período em que escreveu e foi jurado das edições anuais "Comer e Beber". Antes, trabalhou como colunista do jornal "O Estado de S. Paulo" (de 1994 a 2001) e colaborou para os extintos "Jornal da Tarde" e "Época São Paulo". Nos últimos dez anos, visitou dezoito países, sempre em busca de bons lugares para comer, beber, badalar e exercitar a boemia.

Seja o primeiro a comentar