Nova frente da dupla do Sede 261, taberna espanhola Huevos de Oro brilha em Pinheiros

A dupla de sommelières por trás do premiado bar de vinhos Sede 261 acaba de investir numa nova empreitada. Daniela Bravin e Cassia Campos inauguraram em setembro uma radiante taberna espanhola na Avenida Pedroso de Morais — o já falado bar Huevos de Oro.

A nova casa ocupa o imóvel em Pinheiros onde funcionou o extinto Jamón Jamón.

Por enquanto, Daniela e Cassia estão usando apenas o piso superior do sobrado, que tem ambiente à meia-luz e atmosfera de bar à noite e clima muito diferente — mais acolhedor até — no almoço de fim de semana.

Uma das melhores estreias de 2020, o Huevos de Oro une a expertise do duo em vinhos com as inspiradas tapas espanholas assinadas pela chef Ligia Karazawa (ex-Eataly).

Entre as receitas reproduzidas com grande fidelidade por lá estão o pão com tomate (10 reais), a tortilla de batata com aïoli (25 reais) e a croqueta de cocido madrileño (12 reais; 2 unidades; foto), crocante por fora e com recheio cremoso que leva grão-de-bico, frango, carne, chorizo, jamón e pancetta.

Outra fritura sequinha que merece atenção é a bomba de la barceloneta (12 reais; foto), tapa feita com batata e carne moída que combina bem com o ótimo molho de pimenta da casa.

O endereço prepara também algumas tapas com molho abundante para justamente aproveitar para molhar o pão e… nhac! As almôndegas ao molho de tomate, porém, estavam um tanto compactas no dia da visita.

Prefira os graúdos mexilhões com delicioso vinagrete de jerez (20 reais) e as gambas al ajillo (45 reais) — camarão-rosa de ótimo ponto com alho frito e bastante azeite.

A casa também faz bonito no quesito etílico. Para começar, vale apreciar um vermute à maneira espanhola, como um aperitivo (foto). A oferta de vinhos apadrinha somente brancos, rosados e tintos espanhóis (são 21 rótulos em garrafa e três em taça).

Coisa raríssima na cidade, o Huevos de Oro conta ainda com uma bacana carta de jerez. São 20 sugestões em taça deste vinho fortificado da região da Andaluzia que vem ganhando cada vez mais adeptos em São Paulo.

Na lista, que classifica e explica as diferenças entre os estilos de jerez (fino, amontillado, oloroso, palo cortado), uma boa escolha é o oloroso Don José Sánchez Romate (35 reais a taça; foto), joia que passa 18 anos em solera.

Para a sobremesa, há churros com calda quente de chocolate amargo (15 reais). A casa trabalha somente com reservas pelo WhatsApp (11 94507-3118).

Huevos de Oro (@huevosdeorobar)
Avenida Pedroso de Morais, 267, Pinheiros.
Quinta e sexta, 19h/22h;
Sábado, 14h/22h;
Domingo, 12h30/18h;
Fecha segunda, terça e quarta.



HIGHLIGHTS
Huevos de Oro

Faixa de Preço: $$
Tipo de Cozinha: Espanhola

Jornalista paulistano, foi crítico de bares da revista "Veja São Paulo" durante dez anos — período em que escreveu e foi jurado das edições anuais "Comer e Beber". Antes, trabalhou como colunista do jornal "O Estado de S. Paulo" (de 1994 a 2001) e colaborou para os extintos "Jornal da Tarde" e "Época São Paulo". Nos últimos dez anos, visitou dezoito países, sempre em busca de bons lugares para comer, beber, badalar e exercitar a boemia.

Seja o primeiro a comentar